Clareamento dental interno: Descubra mais sobre o procedimento

| |

No clareamento dental interno é utilizada a mesma abertura endodôntica que deve ser preferencialmente a mais conservadora possível. É importante lembrar, o clareamento não altera a forma e a textura dos dentes.

Apesar de toda evolução das restaurações em compostos e cerâmicas e seus respectivos preparos cada vez mais conservadores, existe a necessidade de um maior desgaste para dentes com alterações de pigmentações.

Ele favorece uma reflexão de luz muito próximo ao natural, que determina uma menor exigência artística do profissional, pode ser até comparado igualmente com as facetas de porcelana antes e depois.

É importante destacar também, a ausência de materiais restauradores em contato com as margens, a simplicidade técnica, além dos custos reduzidos para os profissionais em questão.

O clareamento deve ser sempre sugerido como alternativa de resolução, mas em alguns casos pode ser necessário um tratamento restaurador ou até mesmo pesquisando o clareamento dental preço.

Apesar dos benefícios, é importante considerar informar ao paciente sobre a possibilidade do dente não alcançar um resultado satisfatório, especialmente em dentes que apresentam clareamento mais antigo.

Os cuidados anteriores ao clareamento e tudo que será consumido ou feito depois podem afetar no resultado a longo prazo.

Como funciona o procedimento do clareamento dental interno?

O clareamento dental interno é aplicado por meio de algumas técnicas. Uma delas é o clareamento progressivo e a outra a técnica mista.

No progressivo, é realizado um selamento na entrada do canal e é trocado a cada 7 a 10 dias o agente clareador.

Na técnica mista, o clareamento é associado com o de consultório, com intuito de acelerar os resultados, é reduzido o risco de fraturas da coroa especialmente quando os dentes apresentam restaurações provisórias.

Inicialmente, é importante realizar os exames clínicos e radiográficos para o correto diagnóstico. O registro de cor inicial é seguido de cores e fotografias, independentemente da técnica, sempre é realizado um selamento na entrada do canal com cimento devido a resina composta, para aumentar a segurança do procedimento.

Para o seu aumento, inicialmente o dente é cortado na sua parte interior da margem gengival, esse corte deve ser feito durante a endodontia, para evitar manchamentos radiculares, que podem repercutir na gengiva.

Quais são os prós e os contras do clareamento dental interno?

O clareamento interno tem alguns benefícios, ele irá servir principalmente para deixar a estética do paciente melhor e pode ser um extremo solucionador, para que a sua pigmentação, se torne branca novamente.

Ele consegue ser bastante eficiente quando um ou dois dentes, se destacam das cores dos demais elementos dentários, de forma negativa, e isso pode acontecer devido algum trauma, uma batida, o alastramento de uma cárie ou até mesmo um tratamento endodôntico.

Mas também existem algumas desvantagens porque muitos endodontistas acreditam que depois que esse canal é tratado, ele não deve ser acessado novamente porque pode causar uma contaminação, podendo levar até mesmo a perda de dentes.

Extremamente importante fazer uma pesquisa e seguir a orientação do profissional, além de que, se for fazer o clareamento interno é necessário ter alguns cuidados após o procedimento, principalmente pessoas que utilizam aparelho ortodôntico invisível, é extremamente fundamental manter a higienização.

Quais cuidados podem ajudar nos pós clareamento dental?

Após realizar o clareamento dental são necessários alguns cuidados para manter o resultado por mais tempo, são eles:

  • Manter uma higienização bucal;
  • Não fumar;
  • Evitar comidas com corante;
  • Evitar o consumo de café e vinho;
  • Cuidado com cosméticos, como a utilização de batons muito escuros.

É muito importante começar com a higienização correta dos dentes principalmente após as refeições, isso porque os pigmentos dos alimentos podem aderir a placa bacteriana presente no esmalte e causar manchas na superfície dos dentes.

É bom evitar alguns alimentos que mancham os dentes ou faceta em resina, esses alimentos se forem ingeridos com certa frequência, poderão escurecer novamente os dentes. Além, de que não se deve fumar após o clareamento porque o cigarro causa manchas nos dentes.

Por fim, o objetivo do clareamento dental interno é oferecer ao paciente um resultado mais eficiente, e esse procedimento é realizado no canal que é aberto para fazer a endodontia. Assim como todo procedimento, também existem os prós e os contras, que no caso, é o risco de alguma contaminação se for mal efetuado.

Vale ressaltar que é imprescindível que o paciente mantenha seus hábitos de higiene pós-tratamento. Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.

1, 'include' => $prevPost->ID, 'post_type' => $post_type, ); $prevPost = get_posts($args); foreach ($prevPost as $post) { setup_postdata($post); ?>

1, 'include' => $nextPost->ID, 'post_type' => $post_type, ); $nextPost = get_posts($args); foreach ( $nextPost as $post ) { setup_postdata($post); ?>

Deixe um comentário

3 × 5 =